06 setembro 2009

O Amor por fazer

Ó mar salgado, quanto do teu sal
É sémen de Portugal !

Quantas promessas por cumprir
Quantas flores por florir

Quantas fontes secaram,
Quantas andorinhas morreram
Quantos sinos deixaram de tocar

Quanto leite derramado
Quanto mel por colher
Quanto Amor por fazer

Para seres salgado, ó mar !

Valeu a pena?
Não, não valeu a pena.
.

22 comentários:

"Picos" disse...

...o beijo por dar.
"tudo vale a pena quando a alma não é pequena"
beijo da picos para ti.

Sinhã disse...

:-D

engraçado está. :-D

Trolha disse...

Querida Picos,
O beijo para dar.
Beijos do JT para ti

Trolha disse...

Querida Sinhã,
Achas engraçado o poema, pertinente e inerente ao envolvido?
Como sabes tu que o sémen é salgado? Diz-me.
Beijos

Sinhã disse...

:-D

está engraçado de tão estúpido. :-D

(sabias que a farinha branca de neve já tem 55 anos?):-D

Trolha disse...

Querida Sinhã,
Este poema deveria fazer parte da Antologia dos grandes Poemas Portugueses. Lê com calma e devagar que chegas lá. Tu consegues. Tu podes.
Beijos

Sinhã disse...

:-D

Anónimo disse...

não me fales em andorinhas, que me alembro de uma...
GUDUFREDU

Anónimo disse...

Ó pá, tás de férias? então isto não anda? perdeste a imaginação? sabes quantas garinas estão à espera de um escrito teu?
Estou a ficar preocupado!!!
GUDUFREDU

Sinhã disse...

:-D
perdeu a tusa, de vez. já tinha muito pouca, agora nenhuma. :-D

Sinhã disse...

é bom que deixem de me clonar. porcos.

Sinhã disse...

...e porcas!

Anónimo disse...

deixa-te de tretas, sinhã. a gente sabe como tu és.

goti disse...

Cá para mim , está num retiro espiritual, e voilá comida não lhe falta!!!
Beijos doces

Anónimo disse...

Estranho... a dona sinhã, domesticadora de andorinhas, parece que está também num retiro espiritual onde a carninha é à discrição... Tá bem, tá!

PONTO G

Trolha disse...

Ena!
Tantos comentários por responder!
Queridas amigas e amigo GUDUFREDU, acabo de chegar de uma longa (?) viagem (demorei mais de autocarro de Londres a Stansted do que de avião de Lonres ao Porto). Estou «so tired...». Mas agradeço a vossa visita e amanhã respondo aos comentários.
Um beijo para todos (para ti GUDUFREDU tb um beijo). Pq de onde eu venho os bares de gays estão a abarrotar e os bares das meninas vazios de tudo. E se eles podem pq razão eu tb não posso?

gudufredu disse...

Só os gays? E então os árabes, os russos, o nosso estimável jetset, não se cumprimentam com um ósculo?
Ainda este verão, no algarve, assisti a sessões de beijocas entre rapazes e raparigas da mesma espécie, com tal intensidade que até ficavam em bicos de pés. Já ninguém fica com os olhos em bico perante tal circunstância.
(Só se for a Sinhã...)

Trolha disse...

Querida Sinhã,
Tem graça o teu comentário.
Beijos

Trolha disse...

Caro GUDUFREDU,
Andorinhas e chapéus há muitos. Mesmo que morram umas tantas o mundo não acaba.
Grande abraço

Trolha disse...

Querida Göti,
Comida havia muita. Passava em baixela de prata e ouro na minha frente: sem ordem para tocar
Beijos doces

Trolha disse...

Querida Ponto G,
Deixa a Sinhã em paz. Pelo que me contaram, desde que lhe disseram que podia ter ejaculações através da estimulação do Ponto G, não tem tempo para mais nada. Anda a descobri-se. Deixa que se descubra toda.

Trolha disse...

Caro GUDUFREDU,
Vamos ter de nos habituar a ver em público homens de mãos dadas e a beijarm-se. Sinais dos tempos
Grande abraço