30 setembro 2008

Mulheres Mal-Amadas: mulheres que sofrem por amor.

Mulheres Mal-Amadas: mulheres que sofrem por amor.
Psicanalista Mariela Michelena


O homem sempre foi moderno.
As mulheres não são modernas: querem compromisso, querem família, querem casar.
O casamento foi inventado para agarrar o homem: eles até são honestos e dizem que não querem compromissos, mas a mulher faz de conta que não ouve.

Ver mais aqui.

29 setembro 2008

Onde estão os homens?

São solteiras (descasadas), jovens, bem parecidas, inteligentes ... mas há muito não têm namorado. E andam sem esperanças de encontrar uma relação estável: os homens fogem das relações sérias como o diabo da cruz.

O que se passa? De que fogem os homens?

Veja a resposta a esta pergunta na revista Máxima de Setembro de 2008.

28 setembro 2008

Nunca me fez vir! Nem um orgasmo me deu! Nem umzinho!

Encontros Virtuais e ... Desencontros Reais

É uma mulher de 36 anos, atinada, aparentemente assexuada, e com uma relação de amor-ódio com o ex-marido: o eleito para a desvirginar aos vinte e tal anos.

Continua a ser a mulher ingénua de sempre, quase estupidamente ingénua: sem sex-appeal, sem sensualidade na forma de vestir, na forma de falar, na forma de olhar ou no modo como pisa o chão. Em suma: não é uma mulher bonita nem atraente.

Após a separação, começou a frequentar salas de chat. E, como é óbvio, era abordada por homens com vontade de a porem a gostar ou como lhe dizia, constantamente, um lobo mau :“de lhe apetecer apetecê-lo”.

Ela, que sempre defendeu o sexo por amor e com amor e que abominava o sexo pelo sexo, um dia conheceu alguém numa sala de conversação e convidou-o a ir a sua casa. Era um homem do norte, um bimbo: feio, sem modos, com sapatos brancos envernizados à chulo e meias brancas. Nem conversa de engatatão tinha.

Esta figura caricata proporcionou-lhe numa noite aquilo que o ex-marido nunca lhe tinha proporcionado na vida: um orgasmo.

E, hoje, responde às suas amigas, quando confrontada com a hipótese de voltar para o ex-marido, que fora incapaz de a fazer desabrochar sexualmente:
- Ó pá, juntar-me de novo a ele? Nunca me fez vir! Nem um orgasmo me deu! Nem umzinho!


Esta é uma história verídica que me foi enviada por uma amiga a quem muito agradeço. A visada nesta história desconhece a maldade que lhe estamos a fazer. Peço-lhe, aqui, desde já, perdão.

27 setembro 2008

Mulheres jovens e solteiras pagam por sexo

Fantasias Femininas

Pagar para ter sexo deixou de ser exclusivo dos homens. O estereótipo de que apenas mulheres maduras (com mais de 50 anos) procuram os lover's boys acabou. Cada vez mais mulheres jovens e solteiras procuram homens para, sem pressas, sem compromisso, num ambiente relaxante, satisfazerem todos os seus desejos e fantasias. Elas não sentem por eles paixão: sentem tesão. A curiosidade para umas e o prazer associado ao proibido e à transgressão para outras mostram-se irresistíveis.

Fartaram-se de ouvir as desculpas esfarrapadas do costume, quando a relação começa a ficar mais séria. E, agora, são elas a tomar a iniciativa: são donas e senhoras do seu próprio prazer.

E não estão mais dispostas a aturar chatos que não percebem que o tempo deles se esgotou.
Mas estas mulheres não procuram só sexo, ao contrário dos homens: podem pagar a um homem para as levarem a um concerto, a uma festa para impressionarem as amigas ou algum pretendente (ou mesmo para fazerem ciúmes a um namorado).

A principal preocupação deles é que elas não se apaixonem, o que ocorre com frequência. Nessa altura, é importante fazê-las entender que a função deles é proporcionar-lhes o prazer que elas procuram (a troco de dinheiro). Não deixa de ser estranho e de certa forma parodoxal que este serviço esteja a ter uma procura crescente entre as mulheres jovens e solteiras.

Saber mais:
Um gigolo é um homem que é pago para fazer o que qualquer idiota está disposto a fazer de graça
A diferença entre o sexo pago e o sexo grátis é que o sexo pago costuma sair mais barato
.

26 setembro 2008

Sexo pago num motel

Fantasias Femininas

No fim de semana em que iriam estar juntos sem os filhos, ela pensou num programa especial: mandou-lhe uma mensagem sms para o telemóvel a perguntar quanto estaria disposto a pagar-lhe por uma noite tórrida de sexo num motel à sua escolha.

Depois de discutirem o preço, saiu de casa vestida de prostituta, indo ter com ele a uma confeitaria conhecida por ser o local de encontro de muitos amantes.

Por exigência dela, ele passou numa caixa MB a levantar dinheiro, seguindo os dois para o motel.

(fantasia descrita na revista Happy Woman de Setembro)

25 setembro 2008

Mulheres Radicais

21 Histórias de mulheres radicais
de Paula Izquierdo

SINOPSE

A busca do prazer é o eixo em torno do qual se rege a história do ser humano. Se estamos a falar de um homem essa procura nada tem de estranho, mas o mesmo não acontece quando uma mulher procura viver para o prazer. Será correcto chamarmos sexodependente a uma mulher que dá rédea solta à sua libido?
A sexualidade foi uma faceta fundamental na vida das 21 mulheres que figuram neste livro. Mulheres com uma forte personalidade, que se impuseram à moral e aos costumes da sua época. Mulheres desinibidas, ousadas, audazes, que viveram em distintos períodos da História e que apenas procuravam o seu lugar no mundo. Sem pudor ou complexos, contra tudo e contra todos, conseguiram ser elas mesmas, o que muito contribuiu para aumentar a fama e o mito que deixaram.
.

24 setembro 2008

Masturbar-se numa casa de banho pública

Fantasias Femininas

Depois de um dia stressante, sentou-se ao computador e abriu o IRC. Sentiu pela 1.ª vez, desde que se levantara de manhã, uma paz e um relaxamento enormes.
E decidira, hoje, enfrentar a sua arrogância e provocá-lo.

- agora, sou toda tua. E o meu maior prazer é esquecer tudo e estar, aqui, contigo sem reservas.
- e estás disposta a ir até onde?
- estou disposta a ir até onde me quiseres levar.
- sim???? Não acredito.
- acredita!!!


Um arrepio percorreu-lhe a espinha e o coração batia descompensado. Um calor reconfortante subia desde os joelhos até ao fundo das suas entranhas. Empolgada, sentia a adrenalina a pulsar nas veias.

- quanto tempo tens de intervalo, amanhã, durante a manhã?
- amanhã, tenho uma aula às 8:30 e depois tenho 90 minutos de intervalo.
- durante esse intervalo vai à casa de banho dos professores e masturba-te!
- doido !!!!!!!!! Tu deixas-me maluca !!! :))))
- sei que é um grande desafio. Mas tu vais superar-te.

- vou pensar :))).

Ela ficou a matutar no que acabara de ouvir. "Eu nunca vou à casa de banho dos professores. Tenho uma privada no meu gabinete. Ai, ele menospreza-me tanto!"

- E tem de ser na casade banho dos professores? Não pode ser na casa de banho mais privada?
- não. Tem de ser na casa de banho dos professores.

A sua voz decidida não admitia hesitações. "Quem será este homem culto e misterioso que faz tanta questão em manter reserva sobre a sua identidade ? Será casado? Que pretenderá ele de mim?"
Ao deitar-se, recordava, ainda, o desafio dele. Por um lado gostava de realizar algo de perverso mas sentia-se impotente. As suas resistências mentais toldavam-lhe os gestos.
No dia seguinte, dir-lhe-ia que cumprira o desafio para não o desiludir.
.

23 setembro 2008

Provar o sabor das minhocas todas

ADOLESCENTES ALTERADOS
(hoje, à hora do almoço, no automóvel a caminho de casa com dois adolescentes de 16 anos)

- Gajas giras no teu colégio? Não estou a ver, Berto - ironizei eu de forma provocadora
- Ó João, é preciso escolher bem, mas ainda as há – condescendeu ele
- E quem as escolhe são vocês? – insisti
- Nós?!!! … Escolher?!!! Quem tiver a mania que escolhe, tá fodido. Quem escolhe são elas.
- Quer dizer: vocês estão, ali, à pesca com as canas estendidas e elas escolhem o isco que querem comer. É isso?
- Ó pai, não é bem assim. Algumas querem provar o sabor das minhocas todas – concluiu o meu filho.

22 setembro 2008

Os homens comprometidos são mais interessantes

Mulheres Alteradas

Uma mulher comprometida é o maior afrodisíaco dos homens.
E, hoje em dia, também as mulheres estão a descobrir que os homens comprometidos são bem mais interessantes.
É quase como se os outros (os descomprometidos) tivessem algum defeito.

(Revista Lux Woman de Agosto de 2008)

20 setembro 2008

Testiculocefalia

HOMENS ALTERADOS

Os homens apontam, como razões para a sua infideidade: falta de amor, insatisfação sexual e crise ou problemas no casamento. Causas apontadas, igualmente, pelas mulheres.
E, ainda,
A natureza masculina, instinto, “aconteceu”, oportunidade, atração, desejo, vontade, tesão, testiculocefalia, não conseguir resistir, para não se arrepender das oportunidades perdidas.

Testiculocefalia?!!! Pode voltar a repetir?
.

19 setembro 2008

Quando o Sexo Virtual cai na Real

É impossível avaliar com segurança quantos dos casos virtuais redundam em sexo real.
Segundo a revista americana Psychology Today, estudos recentes indicam que, em 60% dos casos, um relacionamento contínuo e profundo pela internet termina na cama.

18 setembro 2008

Ferida

- Muito do nosso “penso” de pensar é como os outros pensos. Os das feridas. Protectores. Descartáveis. Deitamos fora e voltamos com um penso parecido. Não podemos passar sem ele. Andamos sempre em ferida.(Sinuosa , em Quarta-feira, Outubro 04, 2006 )
- Muito profundo, Sinuosa!!! Olha, eu também ando sempre com uma coisa protectora e descartável (para o q der e vier) mas não é um penso, penso eu (João Trolha)
- Tiveste montes de piada: "não é um penso, penso eu" melhor é difícil. Adorei (Sinuosa)
.

17 setembro 2008

Infidelidade Platónica

A infidelidade platónica é muito mais frequente do que se julga e é, hoje em dia, potenciada pelas novas tecnologias ao alcance de todos.
Muitas mulheres fazem amizades em salas de conversação (chat) ou através da troca de comentários em blogs e fantasiam ter uma relação com eles (inclusive quando se masturbam sozinhas).
Na maioria da vezes, estes relacionamentos virtuais (relacionamentos erotico-afectivos platónicos) não chegam a concretizar-se por barreiras impossíveis de ultrapassar: razões morais, idade, medo, distância.
O enamoramento virtual, alimentado pela fantasia, pode criar laços erotico-afectivos muito fortes, de quase paixão.

16 setembro 2008

Mulher Ideal

MULHERES ALTERADAS


- Qual é para ti a Mulher ideal? - perguntou ela curiosa.
- Uma mulher vazia de ideias e aberta a tudo - esclareci.
.

15 setembro 2008

Dois homens

Fantasias Femininas

Na casa de Ernesto, os segredos não foram muitos. Confessei-lhe que aquilo que tinha acontecido fez nascer em mim o desejo de ver dois homens um dentro do outro. Quero ver dois homens em acção, é isso. Ver os dois a comerem-se como me comeram a mim, com a mesma violência, com a mesma brutalidade.

(Melissa Panarello, in, "Escovo sempre os cabelos antes de me deitar")

14 setembro 2008

Repetir o personagem

MULHERES ALTERADAS

- É assexuada, por acaso?
- Também faço sexo, episodicamente, como qualquer homem. No dia seguinte, já nem me lembro.
- Hmmmmmmmm
- E não volto a repetir o personagem.

Repetir o personagem? Pode repetir outra vez?
.

13 setembro 2008

Sexo na igreja

Fantasias Femininas

Acontece no verão, na igreja de minha cidade, com um homem negro que tem um pénis descomunal e rodeada das imagens que me fizeram adorar no colégio quando eu era pequena. Eu estou a rezar, ajoelhada. Ele aproxima-se por trás. Sem dizer uma palavra, levanta-me o vestido e penetra-me, ali mesmo, no chão, tapando-me a boca para que ninguém ouça os meus gritos (a igreja está cheia de gente, a rezar como eu). Depois, vai -se embora, calado, e eu vou atrás dele, à sua procura, para voltar a repetir o grande prazer que me deu.


(Fantasia relatada no livro " Mulheres confessam" das jornalistas Sonsoles Fuentes e Laura Carrión)
.

12 setembro 2008

Predador

MULHERES ALTERADAS

- e como se define?
- um predador. E faço questão q isso fique claro de parte a parte para não haver qualquer "qui pro quo". Mas cada vez me convenço mais de que as pessoas procuram, aqui, afectos.
- essa coisa dos afectos é um pau de dois bicos: muitas dizem procurar, aqui, afectos ... e vai-se a ver estão a pedir-lhes o pau.
.

Masturbação a três dimensões

MULHERES (JOVENS) ALTERADAS

Têm amigos multi-usos mas não os usam. E continuam a fazer, sozinhas, sexo a 3 dimensões dentro de 4 paredes usando apenas a imaginação.

11 setembro 2008

A Entrevistadora

FANTASIAS FEMININAS

São seis horas tarde. Cristina espera-o, inquieta, conforme o combinado, junto à porta da entrada da FNAC, ao Chiado, na confluência das Ruas do Carmo, Garret e Nova do Almada. Na carteira um pequeno gravador de som. Pouco depois, chega o João Pedro, que acabara de sair do tribunal da Boa Hora, no papel de total desconhecido.

Ela aborda-o, em plena rua, inquirindo se está disposto a responder a uma pequena entrevista/inquérito para uma revista feminina que irá ser lançada em breve nas bancas. Mostra-se evasivo, alegando afazeres urgentes, mas ela prende a sua atenção, olhando-o nos olhos com um leve sorriso e fazendo trejeitos sedutores com promessas inconfessáveis. E ele acaba por anuir.

Cristina começa a entrevista, mostrando-se pouco à vontade e revelando alguma timidez. Informa-o que a mesma se divide em 3 grupos: sexo oral, sexo anal e jogos sexuais. Falam os dois abertamente de temas de cariz sexual, na rua, com as pessoas a passarem próximas podendo ouvir perfeitamente a conversa que estava a ser gravada. Todo este cenário produz uma atmosfera de alguma intimidade e muita cumplicidade entre eles. Mas cada um está disposto a representar o seu papel até ao fim.

Inquirindo-o sobre o seu fetiche mais secreto, que ele nem às paredes do quarto revela, a empolgação atinge o clímax. E quando ela lhe confessa, rendida, que essa era a fantasia que sempre quisera realizar com um desconhecido, ele acena a um táxi, pega na sua mão, entram os dois no carro e dirigem-se para um motel na zona de Belém.
.

10 setembro 2008

Facturar o vizinho no elevador

MULHERES ALTERADAS

As muheres são, actualmente, mais infiéis que os homens. Muitas mulheres confessam no meu blog que facturam vizinhos no elevador (*).

(*) Do tipo: toma lá dá cá. Rapidinha em linguagem de trolha.

(Luisa Castelo Branco num programa da manhã da TVI sob o tema: para que servem os homens?)

09 setembro 2008

Lutar com ele

FANTASIAS FEMININAS

Semi-despidos, brincam na cama como dois miúdos. Cristina aplica-lhe o famoso golpe de tesoura, encaixando a cabeça dele no meio das suas pernas. Vê-lo a debater-se sem conseguir libertar-se. E sente-se empolgada por o sentir preso, dominado. João Pedro contra-ataca, fazendo-lhe cócegas debaixo dos braços, na barriga, nos flancos, nas coxas e na planta dos pés. Ela dá gargalhadas convulsivas mas não se rende. Entre gritos ofegantes e impropérios indizíveis, Cristina procura controlar a situação arremessando-se contra o corpo dele. Tenta agora sufocá-lo com o auxílio dos lencóis. Ele esquiva-se ao golpe e agarra-a pelos braços, deixando-a imobilizada. O vencedor é o João Pedro. E ela sabe o que isso significa. Ele recupera do esforço feito e ganha tempo para pensar.

(Texto inspirado numa fantasia que li num livro de que não recordo o nome de Alicia Gallotti, na FNAC, à hora do almoço).

08 setembro 2008

Anonimato e Sexo Virtual

O anonimato é o melhor trunfo de quem pretende realizar fantasias no ciber espaço: faz crescer o romance e reforça o drama.

Conhecer a outra parte é pura e simplesmente dissimular a escuridão da noite ou acender as lâmpadas num restaurante, à escuras, por uma falha súbita de corrente. É conhecer o médico por detrás da mascara cirúrgica, conhecer a cara do violador que te agarrou por trás sem que o possas ver.

Quanto maior o anonimato maior o empolgamento e a liberação de adrenalina. O anonimato liberta a mulher para obter aquilo que ela sempre quis ter sexualmente e guiá-la por onde sempre fantasiou ir mas nunca foi capaz de ir.

My Secret Garden, de Nancy Friday (tradução livre)

Contar os pontinhos

MULHERES ALTERADAS

- quantos dos homens, que conheceu no IRC, levou para a cama?
- alguns
- 5-10 ou 10-20?
- tv 5-10
- quer dizer, não tem bem a certeza. Está protegida pelo anonimato, pode responder à vontade
- tou-me nas tintas po anonimato. Espere, então, que eu vou contar
- essa do "espere que vou contar" fez-me rir. Tem sentido de humor.
- ..............
- hã?
- devem ter sido esses que eu me lembre. 14 nao é? Os pontinhos...
- você é um ponto.
.

07 setembro 2008

A Desejada

Fantasias Femininas

Quem abriu a porta foi uma mulher de uns 40 anos, fascinante e perfumada. Examinou-me de cima a baixo e olhou para o Flávio com ar de aprovação, que sorriu ao de leve. Atravessámos um longo corredor em cujas paredes havia grandes quadros abstratos. Ao chegar à sala, fiquei um pouco constrangida, pois dezenas de olhares voltaram-se para mim: homens, engravatados e distintos, e mulheres glamorosas com uma máscara a cobrir-lhes o rosto.

(Fantasia relatada no livro " Mulheres confessam" das jornalistas Sonsoles Fuentes e Laura Carrión)

06 setembro 2008

Mulher com Tesão

MULHERES ALTERADAS

- percebi que estás cheia de tesão..
- a transbordar. Acho que não é difícil de perceber porque deixei pistas bem claras, bem sugestivas. Melhor que isso só se me despisse no meio da rua e gritasse bem alto: ESTOU CHEIA DE TESÃOOOOOOOOOOO!!!!
- era giro.
- era giro mas muito perigoso.


05 setembro 2008

Too much masturbating

MULHERES ALTERADAS

A woman in Florida has sued her employers for developing carpal tunnel syndrome (*) – also known as repetitive motion injury – in both hands.

However, she got it from too much masturbating.

(*) Síndrome do túnel do carpo é o nome referido a uma doença que ocorre quando o nervo que passa na região do punho (nervo mediano) fica submetido a compressão. Os sintomas típicos são: dormência e formigueiro nas mãos, principalmente nas extremidades dos dedos indicador, médio e anelar.
.

04 setembro 2008

Sexo com um vagabundo

Fantasias Femininas

Eu estou ao volante de um carro, que avaria numa estrada deserta. Fico ali à espera, quando aparece um vagabundo sujo, mas atraente. Conduz um furgão. Não diz nada. Subo para o lugar do passageiro. Sem uma palavra sequer, ele mete a mão dentro das minhas cuecas e masturba-me. Entrego-me, sem olhar para ele, e excito-me mais e mais. A seguir, pára num posto de gasolina e eu vou à casa de banho. Quando estou lá dentro, ele entra, encosta-me à parede e penetra-me vaginalmente, por trás e com violência, enquanto sussurra palavras obscenas ao meu ouvido: "Sonhava foder uma gaja fina, assim, como se fosse uma cadela, numa casa de banho imunda como esta".

(Fantasia relatada no livro " Mulheres confessam" das jornalistas Sonsoles Fuentes e Laura Carrión)

Ciúmes Residuais

MULHERES ALTERADAS

Tem ciúmes da Outra quando percebe que o Ex é feliz na nova relação porque sente-se Dona e Senhora da sua vida.

Os homens amam através do ciúme mas as mulheres são ciumentas do Amor.
Emanuel Wertheimer

03 setembro 2008

A agressividade masculina

A CAUSA DAS COISAS

O desejo sexual do homem pela mulher é originariamente visual. Aquilo que se diz de “amor à primeira vista” não é mais do que desejo ao primeiro olhar.

Quando esse sinal visual é da iniciativa do homem, este terá de aguardar a resposta dela (a sua concordância a uma maior aproximação física). E surge, então, um sentimento de inferioridade, gerador de inveja: com a consciência por parte do homem da vantagem feminina.

Os rapazes cedo começam a desenvolver uma sensação de inferioridade, fruto de frustrações pela ausência de reciprocidade das mulheres. O desejar sem ser desejado, condição que acompanha os homens desde a adolescência, pode torná-los agressivos (física e verbalmente) em relação às mulheres.

Com consequências trágicas: no limite, levando ao sexo forçado ou ao estupro.

02 setembro 2008

A mente é o mais poderoso dos afrodisíacos

Mulheres confessam
Jornalistas: Sonsoles Fuentes e Laura Carrión

SINOPSE

No mundo ainda pouco explorado das fantasias sexuais, as jornalistas Sonsoles Fuentes e Laura Carrión mostram como o cérebro é a mais importante das zonas erógenas. E provam que muito do que se passa na cabeça das mulheres é resultado de antigas relações e pode influenciar relacionamentos actuais.

Orgias, sadomasoquismo, dominação, violação, masturbação. Num ousado e descontraído estudo, as autoras reuniram mais de sessenta depoimentos de mulheres de todas as classes, escolaridades e credos.

Vozes corajosas capazes de traduzir as angústias e descobertas de diferentes gerações. Confissões comentadas por especialistas e sexólogos que corroboram: a mente é o mais poderoso dos afrodisíacos.

Não ter nada de jeito para vestir

MULHERES ALTERADAS

Sempre que não te apeteça sair por não teres nada de jeito para vestir, vem a minha casa em camisa de noite. Que eu não reparo.
.

01 setembro 2008

Mulher Interessante

MULHERES ALTERADAS

- Achas-me interessante?
- És o tipo de mulher que todos os homens querem comer mas que nenhum quer para viver.
.