31 agosto 2008

Algemas

MULHERES ALTERADAS

Quando não suportares mais a rotina diária: casa -> emprego -> Pingo Doce -> casa,
compra umas algemas numa sex_shop e convida um amigo a experimentá-las.
Nenhum se recusará.
.

30 agosto 2008

Maquilhagem

MULHERES ALTERADAS

O que está na moda não é usar pouca maquilhagem é ter 20 anos!

(Iniciamos hoje uma nova rubrica sobre Mulheres Alteradas à moda de Maitena)

29 agosto 2008

Transformações radicais ou Mulheres radicais?

A Mulher Moderna (das sociedades ocidentais) transformou-se num ser insatisfeito, deprimido, revoltado, inconstante (e em constante movimento), ambicioso e obcecado pelo sucesso profissional.

Disse adeus ao amor dedicado (ao amor?) já que incompatível com o seu individualismo e independência económica e sexual.

E o Homem conformou-se à sua nova condição de dar estabilidade e ser o centro de gravidade do lar (daí, a sua maior dedicação aos filhos e às tarefas domésticas, v.g. à culinária).


(Estes pensamentos foram retirados (não copiados) da entrevista do psicoterapeuta brasileiro Flávio Gikovate, publicada na Sábado n.º 225).

27 agosto 2008

O despertar de uma Mulher Madura.

Conheceram-se no partido. Ela, casada, 44 anos. Ele, solteiro, 21 anos. Apesar da diferença de idades, partilhavam segredos cúmplices: confidências de amores não correspondidos e de amores por fazer.

Naquele dia, vazio de afectos, vazio de palavras, vazio de emoções, foi ao seu encontro para sentir o cheiro dele a entranhar-se na pele.

E quando ela lhe confessou, com uma revolta resignada, que a sua vida não fazia sentido e que, assim, a melhor solução era desaparecer de vez, agarrou-a com força pela cintura, atirando-a de encontro ao sofá ao mesmo tempo que se encavalitava nela. Surpreendida pelo gesto inesperado e pelo vigor com que a enlaçara, despertou para desejos estranhos que supunha extintos há muito.

Manteve-se imóvel, sem mostrar qualquer constrangimento, e à sua inteira mercê.
Aqui não. Nunca o faria na sede do partido. E, além disso, não tenho comigo preservativos” – desculpou-se ele.

Quando na despedida a animou dizendo-lhe que fosse com calma, na esperança de melhores dias, exclamou-lhe ela:
Calma?!!! A partir de agora, não descansarei enquanto não te comer!”
.

Faça Sexo Fora ... Cá Dentro

ESTAMPADO NA TSHIRT DELA

Campanha de um Agente Turístico nacional a promover as Escapadinhas de Fim de Semana
.

25 agosto 2008

Mulheres Predadoras

A propósito do comentário da Elise no post anterior: «Mulher do sec. XXI versus Mulher dos anos 60»

Aquilo a que se está a assistir, hoje em dia, é que algumas mulheres (não todas, felizmente!) não procuram, nas relações, afectos e sentimentos mas a satisfação de pulsões sexuais biológicas primárias. Buscam o sexo descartável: sexo imediato, sem amor, sem conhecimento do outro, sem palavras.

Querem imitar os homens. E tornaram-se, à semelhança deles, mulheres predadoras.
O sexo acontece, na maioria das vezes, logo no primeiro encontro. E quando ele lhe telefona, uns dias mais tarde, convidando-a para jantar, ela responde-lhe com a maior naturalidade do mundo:

«Desculpa desiludir-te, mas descobri, agora, que amo muito o meu marido (1)»


(1) Cito, textualmente, a frase ouvida da boca de uma mulher

24 agosto 2008

23 agosto 2008

Mulher do sec. XXI versus Mulher dos anos 60

Discurso típico de uma mulher dos anos 60:
«Mamava-to todo. Mas ... tem de haver sentimento!».

Discurso típico de uma mulher do sec. XXI:
«Mamava-to todo. Até chupo a língua ao dizê-lo!».

Em qual destes dois discursos te reconheces? Confessa-te aqui.

22 agosto 2008

Provocadora

Desejo-te quando, no emprego, recebo mensagens loucas no telemóvel
Desejo-te quando, na esplanada, me olhas nos olhos com tesão a passar a ponta da língua no lábio superior
Desejo-te quando, no carro, me mostras as pernas

Desejo-te quando, na rua, desapertas um botão da camisa e me mostras os teus seios perfeitos
Desejo-te quando, no café, cruzas e descruzas as pernas de forma safada
Desejo-te quando, no nosso restaurante predilecto, tiras as cuecas

Desejo-te quando, no elevador, te esfregas em mim
Desejo-te quando, ao entrar em casa, me apalpas o rabo
Desejo-te quando, na cama, ficas toda exposta e me gritas: «Quieto. Não mexe!»

PROVOCADORA, ADORO-TE!
.

20 agosto 2008

Gastrossexual

"Estou farta de cozinhar só para mim! " - confidenciou-lhe ela pesarosa
"Porque não vens almoçar a minha casa ? " - desafiou-a ele.


O termo gastrossexual foi criado pela “Future Foundation”, uma instituição inglesa que faz estudos de mercado.

E aplica-se aos homens, entre os 30 e 50 anos , que vivem sozinhos e que adoram cozinhar pratos elaborados, por prazer.

Com a actual crise dos relacionamentos muitos homens vivem sozinhos. E se não mostram grande entusiasmo nalgumas tarefas domésticas como lavar ou passar a ferro sentem um genuíno prazer em cozinhar.

De repente, apercebem-se que a culinária pode funcionar como um potente afrodisíaco para conquistar o coração de uma mulher. Afinal, as mulheres, contrariamente à opinião prevalecente, são seduzidas não só pela região do baixo-ventre mas igualmente pela região situada um pouco mais acima.

E elas, rendidas pelo cerimonial da preparação e depois de saborearem pratos requintados confeccionados por eles com tanto amor, oferecem-se no fim como sobremesa: numa grande salada de frutas multicores ou mesmo ao natural.

NR O termo gastrossexual poderá não ser o mais adequado para definir o novo conceito emergente nas sociedades modernas. Mas a alternativa era culissexual que, por razões óbvias, não vingou.

19 agosto 2008

AMO-TE!

"AMO-TE!” - tatuou ele no pénis.
- Doeu-te muito? – perguntou ela.
- Um bocadinho. Mas valeu a pena só para te fazer engolir aquilo que tu me dizes, às vezes.
.

18 agosto 2008

Mulher Vulcão

Frenética e hiper activa, vive a 200 à hora.
Autoritária e com fúrias incontidas.
Em ebulição constante, lança labaredas à sua passagem.

Na intimidade,
Mostra a sua natureza de Mulher.
Seduz e deixa-se seduzir.
Entrega-se.
E torna-se fêmea, toda aberta e exposta,
Frágil, carinhosa, submissa.

Desperta-nos e desperta
Incendeia-nos e se incendeia
Deixa-nos a tremer e treme
Enlouquece-nos e se enlouquece

Dominadora,
Faz-nos explodir e explode.
.

16 agosto 2008

Encurralada

Mantenho com ela uma relação ora cordial ora distante.

Do tipo cheinha e pele muito branca, cora com facilidade a qualquer avanço ou piropo mais ousado da minha parte. Ninguém lhe conhece um namorado.

Um dia perguntei-lhe se, aos 30 anos de idade, ainda era virgem. Não me respondeu e deixou de falar-me durante uma semana.

Ando a magicar atraí-la a minha casa jogando com a sua ingenuidade. E o que me move não é tanto o desejo de a levar ao castigo mas o prazer mórbido de ver como reage quando se sentir encurralada, encostada à parede, sem qualquer hipótese de fuga.

A mulher é pragmática. Assustada, cede por uma questão de sobrevivência? É isso que eu pretendo descobrir.
.

15 agosto 2008

Quanto mais putas melhor

- As mulheres são todas umas putas! - exclama ele visivelmente transtornado.
- Quanto mais putas melhor - responde-lhe o amigo.
- Achas? - insiste ele
- Claro, assim, quem as fode sou eu - concluiu o amigo
.

14 agosto 2008

O Jogo da Garrafa

Sentados no chão, em círculo, alternando homem e mulher, roda-se uma garrafa colocada no centro do círculo. Dá início ao jogo a mulher ou o homem, dono da casa, em sinal de deferência pelo convite feito. Segue-se a mulher ou o homem sentado à sua esquerda.

O ideal é haver entre 4 a 8 parceiros, embora o jogo possa ser jogado a dois.

Lançada a garrafa, esta terá de dar no mínimo duas voltas para a jogada ser considerado válida. Quando acabar de girar, para quem o gargalo da garrafa estiver a apontar essa pessoa terá de suportar um castigo aplicado por quem lançou a garrafa. Caso a garrafa fique apontada para o lançador, não há lugar a qualquer castigo e passa-se ao jogador seguinte.

Quem aplica o castigo não pode fazer de castigador: terá de indicar, para o efeito, outro parceiro do jogo. Ninguém pode recusar um castigo, mas pode, a todo o tempo, desistir do jogo. Se desistir do jogo, não poderá voltar ao jogo.

Regra geral, no início do jogo, os castigos aplicados consistem em obrigar a vítima a despir uma peça de roupa o que poderá ser feito ou pelo castigado ou por outro dos presentes.

Quando estiverem, elas e eles, todos apropriadamente despidos e já toldados pelo álcool, os castigos a aplicar crescerão de sofisticação até atingirem requintes de malvadez.

Soltem a imaginação: o céu é o limite. Dar um beijo na boca de outro parceiro (homem ou mulher, indistintamente), beijos nos seios de uma mulher, no pescoço, na barriga, na parte interna das coxas, no sexo, apalpações neles ou nelas, and so on, and soo on.

O jogo pode continuar explorando posições sexuais mais ou menos explícitas: ela deitada sobre ele beijando-o na boca, ele deitado nas costas dela simulando sexo anal, toques nele e nela mais ou menos prolongados.

No limite, o jogo poderá acabar em sexo puro e duro entre todos, homens e mulheres.

Os dados estão lançados.
Faites vos jeux!
.

12 agosto 2008

As mulheres têm fios desligados?

Há uns tempos a Joana
- Pai, acabei um namoro à homem
Perguntei como era acabar um namoro à homem e vai a miúda
- Disse-lhe o problema não está em ti, está em mim.

(António Lobo Antunes in Crónica Visão de 31 de Julho de 2008)

10 agosto 2008

Punhetas de bacalhau

- jantei, hoje, punhetas de bacalhau. Se calhar nem sabes preparar este prato.
- sei. E o meu filho diz que as minhas punhetas sao as punhetas mais bem feitas que conhece.
- não acredito que as faças melhor que eu.
- há tempos, a minha filha foi a casa do namorado provar as punhetas dele.
- mal ela chegou a casa, disse-me : - "mamã, as tuas punhetas são melhores!"
- quando retribui o jantar ao pikeno, ele diz que queria provar as minhas punhetas. Contrariada, lá fiz a vontade ao pikeno.
- e, no fim, agradeceu-me dizendo: - " isto sim, são punhetas como deve ser!"
- "são muitos anos a fazer punhetas" - expliquei-lhe eu.
.

09 agosto 2008

A tesão não escolhe idades

- posso fazer-te um pedido?
- que queres de uma cinquentona?
- és cinquentona?
- fiz há dias 50 anos. Que horror! (ele achava que eu tinha 23 anos :))) )
- tb não sou novo. Sou da tua idade
- mas os homens são sempre mais novos, isto é...têm mais encanto que as mulheres
- mas as mulheres tem mais tesão.
- isso está na cabeça. O desejo mora lá, sabias?
- lá em baixo ou lá em cima?
- no andar de cima. Depois estabelecem-se relações de vizinhança. Faz lá o pedido.
- é mais um desafio ...
- ah ... o desafio do 1.º post do teu blog?
- não. O desafio é o seguinte: dorme, hoje, toda nua. E faz isso porque eu te pedi.
- hmmmmmmmmm… Talvez sim....talvez não.
- sim ou não?
- porque não? Pedido atendido.
- se te apetecer tocar-te, toca-te.
- claro que sim.
- boa noite.
- boa noite.

07 agosto 2008

Paradoxos de uma Quarentona

Acompanhou a doença prolongada do marido como uma esposa dedicada. E fez o luto que se impunha, respeitando a sua memória.

Joana, a amiga de infância, recentemente divorciada, arrastou-a para a noite portuense. E ela deslumbrou-se com homens cultos, enamorou-se de homens românticos, riu-se com homens divertidos e derreteu-se toda às mãos de homens sacanas e predadores.

Estava convencida de que conseguia amarrá-los através dos seus atributos físicos. Mas, depressa, acordou para esta realidade cruel: os amores dos homens da noite não sobrevivem ao dia seguinte.

Decidiu mudar radicalmente de vida. A partir de agora, seria ela a ditar as regras.

Começou a frequentar locais de charme. E, rapidamente, a sua estratégia resultou. Estava ali, na sua frente, o homem com quem as mulheres da sua idade ansiavam cruzar-se: livre, culto, com status social, carente, ingénuo e manipulável.

- Fiz 40 anos e já não tenho idade para brincar. Estou disposta a envolver-me emocionalmente contigo se estiveres disposto a um relacionamento sério para a vida - intimidou-o ela, segura de si e do ascendente que exercia sobre ele.

O impulso de ser sacana, de entrar no jogo dela e fodê-la era muito forte. Mas permaneceu silencioso, olhar absorto, rememorando experiências dolorosas do passado. Sentia-se impotente. Manietado por imperativos morais.

The show must go on.
.

05 agosto 2008

Prova de Amor

Conheceram-se numa noite de verão. Foi um encontro ocasional. Com conversa de circunstância.
Trocaram emails e telefones. E depois disso, aguardava Ela ansiosa pelo telefonema do dia seguinte. Que nunca chegou.

Decidiu, então, tomar a iniciativa: telefonemas, sms e mails a que Ele, quase nunca, respondia.
Um dia propõe-lhe Ele o seguinte desafio: se gostas de mim, se aquilo que sentes por mim é autêntico e verdadeiro, vem ter comigo a minha casa. Sozinha.

Ela, educada nos mais rígidos princípios morais e religiosos, moveu montanhas de preconceitos mas aceitou o desafio.

No dia marcado, à hora marcada, tocou na campainha de sua casa. Tremia como varas verdes. O seu coração batia descompensadamente. O corpo a arder.

Ele abriu a porta. E abraçou-a. Ela deixou-se levar até ao quarto sem mostrar a menor resistência.
.

03 agosto 2008

Quebrar barreiras

- repara: se quiseres realizar uma qualquer fantasia sexual, podes fazê-lo sem problemas e ao vivo e a cores poderás sentir-te constrangida. Aqui, podes fazê-lo numa boa sem consequências de maior
- pois... acredito nisso. Mas é como te disse sou muito conservadora e gosto das coisas ao vivo e a cores. Eu realmente não tenho talento para sexo virtual.
-
isso é uma falsa questão. Não é preciso talento para praticar sexo virtual. É preciso, apenas, disponibilidade mental: uma mente liberta de preconceitos
- então é isso que não tenho
- diz-me uma coisa: és capaz de estares aqui, toda nua, a teclar com alguém?
- sou.
- não és capaz não. Mentalmente, não consegues ultrapassar essa barreira
- pensa o que quiseres. :))
- olha que isso até te faria bem. Desinibia-te. E aqui podes desinibir-te, à vontade
- sei que posso, mas sinto-me bem assim. Gosto dessas barreiras :)))
- experimenta um dia fazer isso. Vais ver: acaba por ser gratificante. E como vais sentir-te melhor contigo e com o teu corpo. Procura manter uma boa relação com o teu corpo, fala com ele e ouve o que ele tem para te dizer
- vou tentar :))
- vais sentir-te uma Mulher poderosa. Sensual e poderosa. Dona do mundo
- hummm … É só ideias. Vou anotar :)
- só te dou boas ideias.

02 agosto 2008

Site Meter Code - Puta que te Pariu!

Site Meter Code Crashes Thousands of Blogs
This Blog Was One of Them
.
E tudo isto por causa da filha da puta do dinheiro.
O site meter vendeu a uns caralhos quaisquer o «direito» deles colocarem spyware no site meter. O BLOGGER (blogspot.com) apercebeu-e disso e desactivou os blogs com o site meter.
PUTA QUE OS PARIU A TODOS!
FILHOS DA PUTA DO CARALHO.
.
.

01 agosto 2008